Eu não existia!
Blog, Testemunhos

Eu não existia!

By

Eu não existia! Eu era uma projeção, uma sombra, um estereótipo ou qualquer coisa assim. Uma criança querendo se sentir seguro, um adolescente querendo ser aceito, custasse o preço que fosse.

Isso até causava uma fugaz sensação de conforto. Fugaz. Sem constância ou permanência. Mas no final do dia, não preenchia. E isso aqui não é clichê não, viu? Se eu me esquecer dessa inspiração toda que eu escrevo, volto para o mesmo lugar no qual há um vazio enorme no meu peito.

Então “seduziste-me e deixe-me seduzir” (Jr 20,7), com dor mas com esperança, desanimando mas com pessoas me transmitindo coragem, livre pra ir embora a qualquer momento e tentado nesse sentido mas escolhendo permanecer. E graças a Deus eu permaneci.

No início deste ano (aqui na comunidade nosso ano formativo começa e termina em Julho) tudo virou de cabeça pra baixo e agora que estamos encerrando ele eu percebi que na verdade eu que andava plantando bananeira.

Eu não existia, mas o Senhor falou e eu fui criado, falou e eu fui chamado, falou e profetizou sobre mim, falou e me anunciou a salvação minha, dos meus e do alvo para o qual ele me envia.

Quantas vezes eu desejei a inexistência sem me tocar que eu já habitava nela?

Eu não existia, mas pela Palavra eu hoje existo, tenho sentido e rumo, que aponta para fora, para o outro e se consolida na eternidade, no Cristo Libertador.

Leia também:

 

Assinatura: Danyel Cayetano, brother adotivo e discípulo de Jesus, crítico cultural renomado (por mim mesmo). Se for para bater uma bola, conversar, rezar, assistir algo, comer ou combinar alguns desses itens, pode me chamar que eu chego com os refri! #EuSouCultura

cristolibertador.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.