Arte e Cultura, Eu Sou Cultura

Cada membro importa!

By

É engraçado como Deus fala com a gente de diversas formas. Dessa vez, Ele falou comigo quando eu vi um cachorro. Num dia de muito calor, ele estava sofrendo para andar no mesmo ritmo que a dona porque ele não tinha uma das patas da frente. E logo tive uma epifania:

Quando um dos membros falta, o corpo sofre e os outros membros são sobrecarregados.

 

Cada membro importa

Aquele dia de sol quente seria mais leve para o pulmão, para o coração e para as outras patas daquele cachorro se ele tivesse todas as patas. Já parou pra pensar nas suas (e eu estou pensando nas minhas) faltas?

O corpo pode ser: o ministério, a comunidade, a paróquia, a pastoral, o movimento que você participa ou até mesmo o seu trabalho assalariado. Todos esses lugares contam com todos os membros para caminhar.

Muitas vezes nosso trabalho, dentro e fora da Igreja, é cansativo como um dia de sol, não têm sombra nem vento. É um trabalho de gente grande, é trabalho para todas patas, para todos os membros.

E se faltar uma das patas, todas as outras vão sofrer para dar conta, e talvez nem deem. Afinal, aquele cachorro vai ter que fazer muito mais esforço e nunca vai conseguir correr como os outros.

 

Deveria estar ali

Talvez nunca ninguém tenha te dito isso, mas tem gente que conta com você!

O nosso comodismo, nos faz faltar com a realidade ou com a verdade. A gente se torna como essa pata que deveria estar ali, mas não está. Já aconteceu de você assumir um compromisso e na “hora H” falhar? Foi nessa hora que o corpo sofreu, porque um membro não estava lá!

 

Mas porque você não estava lá? Responda mentalmente esse questionário:

  1. a) Porque eu precisava descansar mais do que meus irmãos.
  2. b) Porque eu fantasiei e achei que daria conta, mas não dei.
  3. c) Porque eu disse que ia fazer, mas sem a intenção de fazer.

 

É preciso assumir aonde tá o B.O. Só assim, poderá vencer as tentações. Você só vai conseguir deixar de ser “uma pata ausente” quando fizer isso. Porque pra cada uma dessas alternativas, tem uma solução.

Se seu problema for o descanso, que tal pensar que o seu irmão precisa descanso tanto quanto você? Se os dois trabalharem juntos, o trabalho acaba mais rápido e os dois podem descansar.

Agora, para acabar com a fantasia é preciso dar um choque de realidade. Não vai ser fácil, na verdade, vai ser mais difícil do que você pensa. Coloque o peso da responsabilidade e se pergunte: Eu dou conta? Se tiver difícil de responder, peça ajuda a alguém de confiança.

Já com a mentira, o negócio é ser direto e reto. Se converta! Só a verdade liberta. Não vale a pena mentir para ser aceito ou seja lá o motivo, porque, no final, você só terá arrumado mais um problema (efeito dominó) e deixará os outros na mão.

 

Ou vai ou fica: Escolha!

Ninguém se sobrecarrega quando tudo está alinhado. Você tem o direito de ir ou de ficar, mas não tem o direito de fazer as outras patas pensarem que você estará lá, quando na verdade não estará. Jesus mesmo já disse isso: “Dizei somente: ‘Sim’, se é sim; ‘não’, se é não.” (cf. Mt 5, 37a)

 

E aí, vai ser pata ou ausência dela?

Tamo junto!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

This error message is only visible to WordPress admins

Error: API requests are being delayed for this account. New posts will not be retrieved.

There may be an issue with the Instagram Access Token that you are using. Your server might also be unable to connect to Instagram at this time.

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.