Arte e Cultura, Eu Sou Cultura

Vingadores: Ultimato – Qual a finalidade de tudo?

By

Em duas semanas, Vingadores: Ultimato se tornou a segunda maior bilheteria da história, ultrapassando a casa dos U$2 bilhões. E não era pra menos, o filme que encerra um ciclo de 23 filmes dentro do universo Marvel, reúne os heróis (que sobreviveram depois daquele estalo de dedos) que têm como missão reverter todo o caos causado pelo Thanos em Guerra Infinita.

~ Esse texto falará abertamente sobre o filme, ou seja, contém spoiler ~

Uma irmã de comunidade que foi assistir logo que ele foi lançado me disse que depois de 15 dias, o filme ainda estava reverberando na sua cabeça. E comigo não tem sido diferente, as cenas surgem, faço reflexões, relembro de alguns momentos. E com isso, consegui fazer algumas analogias que estão impulsionando minha conversão.

Momento da Cruz

A premissa de voltar no tempo para buscar as Jóias do Infinito tornou mais fácil de entender algo que o meu fundador disse há pouco tempo: Cristo morreu para redimir o homem do pecado. Ou seja, Ele sofreu não só por todos os pecados cometidos até ali, mas também por todos que aconteceram depois e vão acontecer até a volta dele.

Isso significa que vivemos com aquela máquina do tempo funcionando a todo momento. Toda vez que eu peco, entro nela, volto 1986 anos na história, para a cidade de Jerusalém, pego uma azorrague, tomo o lugar de um soldado romano e despejo golpes em Jesus porque ele sofreu e morreu também por esse pecado que cometo agora.

Pesado né? Mas é real. Porém, não voltamos apenas como flageladores. Quando convertemos nossas atitudes, nos tornamos como Cirineu, que ajuda o Cristo a carregar a Cruz. E nesse momento somos um consolo para Jesus que está sofrendo.

Sacrifícios

Vingadores: Ultimato é também marcado pelos sacrifícios que alguns heróis são capazes de fazer. O que dizer daquela cena entre a Viúva Negra e o Gavião Arqueiro? Os dois saem na porrada para ver quem vai morrer no lugar do outro, já imaginou isso?

Com quem você brigaria para morrer por? Ou melhor, no lugar de quem você se propõe a morrer diariamente? Se a sua resposta for constrangedora, como a minha, é porque nós ainda não amamos de verdade.

Nossas paróquias, grupos e comunidades estão cheios de disputa pelo lugar onde se pode ficar mais de boa do que o outro. Ficamos no lugar de descanso enquanto nossos irmãos trabalham sem cessar. Aí eu me deparo com essa cena e lembro que “ninguém tem maior amor do que aquele que dá a vida por seus amigos” (Cf. Jo 15, 13.) e só consigo pensar em como ainda me falta amor.

Falando de amor, o sacrifício heroico do Homem de Ferro não te lembra ninguém não? Ele não queria morrer naquele momento, mas aceitou a morte para salvar a humanidade do extermínio iminente. “Ele” a quem estou me referindo é Jesus, que morreu e ressuscitou por mim e por você!

Pelo sacrifício do Tony Stark, Thanos foi derrotado. Pelo sacrifício de Cristo, o pecado foi vencido. Ficção e vida real foram salvos.

Love you 3000

Pra mim, uma das cenas mais simples, porém emocionantes é quando Tony Stark fala para a Morgan (sua filha) “love you tons” (te amo toneladas) e ela responde “love you 3000.”

Essa resposta que parece não ter sentido é na verdade porque uma tonelada equivale a aproximadamente 2200 libras (medida de peso americano), ou seja, quando ela responde que ama 3000, ela está simplesmente dizendo “eu te amo mais.”

Isso me levou a refletir sobre o amor de Deus por nós, o amor Ágape, o amor perfeito que é muito maior que o nosso amor frágil, amor filia, amor humano. Ainda que amemos uma tonelada, é pouco perto do amor sublime de Deus.

Jesus se entregou na Cruz e se sacrificou da maneira que foi, tudo por amor. Esse sacrifício nos mostrou mais uma vez a finalidade da vida: o Amor.

E qual será a nossa resposta?

 

Aproveitando sua presença aqui…

Queremos aproveitar a ocasião e já que você está aqui, que tal fazer o nosso retiro no final do mês? Já te aviso que não é um retiro com os padrões comuns, com palestras padrões e cadeiras para você sentar (nada contra). Pelo contrário, você quase não ficará parado e viverá experiências que nos aproximam do amor de Deus!

Quando? Nos dias 24,25 e 26 de maio

Inscrição: www.cristolibertador.com.br/camminus

Deu um gostinho pra querer fazer, então olha só esse vídeo:

Leia também: 

 

Tamo junto!

 

 

Danyel Cayetano, brother adotivo e discípulo de Jesus, crítico cultural renomado (por mim mesmo). Se for para bater uma bola, conversar, rezar, assistir algo, comer ou combinar alguns desses itens, pode me chamar que eu chego com os refri! #EuSouCultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.