Arte e Cultura, Pelas Lentes do Carisma

Roda Gigante

By

Não é muito comum andar pela rua e ver uma Roda Gigante no meio do seu caminho. Quer dizer, a menos que você esteja em Londres ou em Belo Horizonte. Como a graça de ir a Londres ainda não chegou, essa eu encontrei em BH mesmo. 

Descrição da foto: Belo Horizonte | Foto: Walter Moura

Olha lá!

A princípio fiquei assombrado, extasiado com a formosura de uma bela Roda Gigante no meio da rua, depois tive vontade de subir nela e ficar ali por um tempo, rodando naquele movimento de subir e descer. Porém, ao contrário do que havia desejado me pus a observar esse brinquedo monumental. Foram necessários poucos minutos até que uma voz interior me questionasse em tons divinos: “É nesse lugar mesmo que você quer ir? Ficar girando em círculos?”

Se desejar, leia escutando essa música que não sai da minha cabeça: Roda Viva .

Roda Gigante

Quantos de nossos irmãos passam sua vida parecendo um cachorro correndo atrás do próprio rabo? Quantas vezes nos encontramos girando num ciclo vicioso entre pecar e ser perdoado? 

Passamos uma longa parte de nossa vida parecendo que estamos dentro de uma roda gigante, que vivemos entre altos e baixos, mas não saímos do lugar. Presos nessa estrutura que não nos permite ir adiante, as vezes estamos mais perto do céu e as vezes tão longe. Nesse brinquedo que gira sozinho, que tem vida própria e a nós, cabe apenas ficar sentado e assistir ele rodar. Não permitindo aos usuários escolher a velocidade ou mesmo quanto tempo ele ficará parado numa posição.

Roda, roda

Se você, meu irmão e irmã, que está lendo esse texto, se encontra em um namoro que fica entre idas e vindas, você está numa roda gigante.

Se você vive indo a retiros porque só lá você experimenta a Deus porém ao retornar cai novamente nos pecados, você está numa roda gigante.

Se você comunga frequentemente mais ainda tem as mesmas lutas do início da sua caminhada, você está preso na roda gigante.

Se você tem vivido dos seus desejos e não consegue conter seus impulsos seja lá quais forem, você está preso na roda gigante.

E se você se identificou com algum exemplo, saiba que não é o único.

 

A comunhão

Jesus se faz presente em eucaristia para todo aquele que deseja romper com o pecado não o faça sozinho. Jesus é aquele que nos liberta de todas as situações de escravidão. Ele é a presença maior no meio de nós e está a sua disposição, não desista de buscar as virtudes e não hesite em buscá-lo com mais frequência. Sua graça abundante te alcançará e transformará o que outrora era impossível em possível, assim como faz todos os dias em minha vida.

Chegou a hora de pedir ao maquinista para descer!

É agora que você sai desse ciclo de altos e baixos e começa uma caminhada, colocando um passo de cada vez, um depois do outro. Caminho esse que precisa te levar para o Céu. Um caminho de santidade e de purificação. Já chega de rodar em círculos, de repetir padrões destruidores ou até superficiais. Enquanto você não se decidir será apenas um coadjuvante do seu próprio show. Em outras palavras, reúna coragem, desça do brinquedo e enfrente a vida.

 

Oração

Peçamos a ajuda do Espírito Santo para essa decisão:

“Ó doce Espírito Santo, eu te convido para entrar em minha morada e me auxiliar nesse processo. Revela a sua Verdade sob as mentiras do mundo. Eu desejo romper com esses ciclos e voltar a caminhar rumo à santidade. Mostra-me o que me prende nos caminhos de perdição. E me dê força e coragem para me libertar desse mal.”

Amém.

 

Leia também a reflexão feita sobre o Céu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.