Arte e Cultura, Discípula Livre

Nas mãos do Oleiro

By

Acredito que todos nós em algum momento da vida, já passamos pela fase do molde.

Não é um tempo fácil, muitas vezes não somos ajustados, mas desconstruídos para que Deus realize sua Santa vontade em nós!

Não temos para onde ir, tudo fica estreito, e o coração se enche de sentimentos.

Quero te apresentar aqui, um lugar seguro para se abrigar nestes momentos!

Como um barro

Me imagino como um barro nas mãos do oleiro, para me tornar um vaso bonito e cheio de detalhes, e esta meta necessita de um molde, e tem todo um processo para a preparação deste vaso.

O barro precisa estar bom para se tornar vaso, e no meu caso preciso me tornar Santa hoje, para minha geração se assemelhar ao Cristo.
Se eu não buscar a santidade não será possível imitar a Jesus. Se o barro tem pedras e não está em bom estado é descartado e se mesmo assim, o oleiro insiste em moldar, o vaso, depois de pronto, não terá o molde correto e será quebrado!

Somos chamados a nos abrigar nas Santas mãos do oleiro que irá nos moldar e nos conduzir à Santidade!

Em qual estação estamos?

O barro: que cheio das sujeiras da terra precisa ser tratado, precisa de Alguém (Jesus) para tirar as pedras e assim LIVRE, ele estará pronto para o molde.

O oleiro: Aquele que acredita que é possível, transformar o barro sujo em vaso. Aquele que sabe o que faz, e que se doa na ajuda de moldar o outro.

O vaso: que já moldado, e plenamente LIVRE, se assemelha ao Cristo. Com marcas do molde, com marcas das pedras que o acompanhavam no passado (barro), persistiu e se permitiu ser moldado pelo modelo, o divino por excelência.

Antes da imitação, busco a virtude de Jesus que é a Santidade, impossível no pensamento de alguns jovens hoje, porém, possível hoje, para mim e muito mais possível e acessível para Deus.

Mas trilhar o caminho de Santidade aqui, não é fácil. E por isso precisamos destes moldes. Podemos só caminhar e tentar, tentar, tentar, mas só tentar não nos garante o Céu.

Precisamos desejar isso, mas do que desejamos qualquer outra coisa, porque esse é a MELHOR COISA!

Você precisará sim caminhar, mas vá com fé de que pode chegar!

Tenha:

Paciência para saber reconhecer que toda espera é necessária, para que a minha vocação seja moldada na vontade de Deus.

Atenção aos sinais neste tempo.

Escuta para ouvir a voz do Senhor em meio a tantos ruídos.

Se entregue a Ele

Olhe para Jesus e siga somente este modelo, se entregue como se dependesse somente disso. Vá contra a maré do mundo, viva a Santidade!

Se deixe ser moldado, remoldado novamente, tire as pedras que ainda existem. Mas, se for necessário até quebre o vaso. Mas entre na forma!

Quem permite o molde, e sem medo se lança nas mãos do oleiro, e com verdade entra na forma da Santidade, entrará no Santo lugar com Cristo!

“Ali se encontra
O modelo de como devemos SER!
Por onde passar, até se tornam UM com aquele É.
Um caminho de DISPOSIÇÃO, ENTREGA, ORAÇÃO.
Olhar para Jesus e desejar SER, como por excelência Ele é.
Envolve a mudança do Meu EU, a poda, o molde, o vaso, o oleiro, o barro.
O autoconhecimento, o POÇO que existe em mim.
É mudar!
Fazer sangrar!
Se despir!
Me curar,
de MIM!
Se envolver!
E se preciso for,
RENASCER!
É lutar, até cansar!
Mas não desistir!
Inflexível ser,
na idealização de um dia.
Me encontrar com o SER.
Desligar!
Desapegar!
É chorar, e DEIXAR!
O passado de barro para trás, e renascer como o vaso.
Que por tempos, foi modificado, moldado, refeito.
E hoje, é INTEIRO com as características que JESUS, o oleiro.
O permitiu TER.
É a partir daí, o ALÍVIO.
A LIBERDADE que Jesus traz!
Uma VIDA inteira.
Na luta da SANTIDADE.
E na BUSCA.
De pelo menos, com metade de Jesus.
PARECER.”

Ouça e Reze:

Leia outros textos da Discípula Livre: http://blog.cristolibertador.com/arte-e-cultura/discipula-livre/

Leia sobre Castidade: http://blog.cristolibertador.com/castidade-minha-oferta/

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.